Infracommerce

Infracommerce
B3

Vender em marketplace: vantagens e desvantagens

Vender em marketplace: vantagens e desvantagens

Queremos compartilhar com você os prós e contras de vender em marketplace e ajudá-lo a decidir se os benefícios valem os riscos. Vamos começar!

Vender em marketplace é uma das primeiras ideias que temos quando queremos começar a vender online. Ou mesmo que você já tenha uma loja online, pode ter considerado isso como uma opção.

Em ambos os casos, já deve estar ciente do tempo, esforço, dedicação e conhecimento necessários para ter uma loja online. É por isso que vender em marketplace aparece como uma alternativa bastante interessante. Mesmo que essa jornada pareça clara, ela está repleta de desafios.

Vender em marketplace: vantagens e desvantagens

No início nada é tão fácil, não é mesmo? Dependendo do setor, o tempo que uma loja online precisa para decolar varia de 6 a 18 meses desde a sua abertura. Para isso, não é estranho que alguns vendedores se sintam atraídos pela grande e instantânea oferta de vender em marketplaces. E talvez tenham razão, vamos analisar as vantagens.

1. Suas vendas (provavelmente) melhorarão

No mundo offline como no comércio online existem as marcas e vendedores que têm suas lojas físicas, mas também pagam por um pequeno espaço dentro de um shopping. Eles sabem que estar lá os levará a mais pessoas.

Os marketplaces funcionam como shoppings online. Eles abrem um novo mundo cheio de clientes para você, e você verá isso em seus resultados. Por exemplo, a Amazon afirma que em seu mercado as empresas aumentam suas vendas em até 50%.

2. Os custos serão reduzidos

Marketplaces facilitam as coisas para você: eles lidam com a plataforma, atendimento de pedidos, SEO e até estratégias de marketing. Tudo o que você precisa fazer é criar sua loja, gerenciar os produtos e preços que oferece e controlar os pedidos que recebe.

Em troca de uma taxa, é claro. No entanto, se você se tornar realmente bem-sucedido, essas taxas podem não parecer tão baixas, mas você sempre pode parar de vender sem nenhum custo adicional.

 3. Mantenha a imagem da sua marca

Saiba que vender em marketplace não significa renunciar à imagem da sua marca. Como vendedor profissional, você terá sua própria marca e logotipo. Isso também facilitará as coisas para seus clientes:

  • Os clientes poderão avaliar sua loja de forma independente
  • Eles poderão encontrar sua loja no mercado e comprar seus produtos em vez de escolher outros vendedores da mesma categoria.
  • Você ainda pode trabalhar na sua imagem corporativa oferecendo um excelente atendimento e catálogo.

4. Transmite confiança

O pagamento é uma das partes mais sensíveis de uma compra online. No entanto, quando se opta por vender em marketplaces e o mercado tiver uma boa reputação, esse preconceito é mais fácil de ser superado.

Além disso, estas plataformas estão bem protegidas contra qualquer tipo de ataque cibernético, pelo que as suas medidas de segurança são melhores do que as de qualquer loja online. Além disso, as fraudes esporádicas de vendedores e clientes desonestos são pagas pelo mercado.

5. Internacionalize-se

Tentar vender no exterior pode ser uma missão impossível, pois os custos de envio podem dobrar o preço do produto. No entanto, os marketplaces tendem a oferecer custos de envio mais acessíveis, o que torna os vendedores mais competitivos.

Outro fator importante na internacionalização é a barreira do idioma. Com os marketplaces não há problema, pois as plataformas multilíngues geralmente tratadas também oferecem suporte ao cliente no idioma nativo ou pelo menos em inglês.

Por outro lado, os custos são reduzidos, pois o investimento e o esforço necessários para atingir esses mercados são titânicos em termos de tempo e recursos.

Os Contras de vender em um marketplace

1. Não são seus clientes

Imagine esta situação: você começou a vender em marketplace e está indo muito bem, então decide abrir sua própria loja online e então… SURPRESA! Você não pode exportar seu banco de dados de clientes.

Você precisa assumir isso agora: os clientes do marketplace não são seus clientes, então nunca terá seu próprio banco de dados a partir daí. Se não bastasse, também não pode aceder ao seu registro de encomendas por cliente, frequência de compra ou fatura média. Lembre-se de que sair de um mercado e abrir uma loja online é começar do zero.

2. Não é sua loja

Assim como você sabe que usar vender em marketplace não lhe custará um centavo em hospedagem, plataforma de comércio eletrônico, marketing ou SEO; você também deve saber que sua loja é Amazon, Ebay ou Cdiscount nunca será sua.

A vida em um marketplace é difícil: eles te dão algum espaço em seu catálogo para que você possa oferecer seus produtos a milhares de usuários, mas se você decidir sair, terá que começar de novo criando seu catálogo, carregando as imagens ou escrevendo os detalhes do produto um por um. E também, precisará gastar muito dinheiro em marketing online.

3. O custo de ser lucrativo

O principal objetivo de qualquer mercado é atrair o maior número possível de vendedores, para que possam construir um banco de dados de clientes às custas dos vendedores. Assim, eles podem obter muitas informações valiosas de diferentes setores de uma só vez, e é assim que detectam novas oportunidades de negócios e as aproveitam.

Lembre-se disso: o mercado é seu pior concorrente. Ao vender seus produtos em sua plataforma, você está oferecendo a eles informações confidenciais sobre seu negócio, faturamento, quantidade de clientes e produtos mais vendidos. Para resumir, você está permitindo que seu pior concorrente acesse as informações mais importantes sobre sua loja.

4. Os concorrentes são destacados

Existem muitos vendedores oferecendo produtos semelhantes aos seus no mesmo mercado. Você deve competir com a qualidade e o preço de seus produtos, bem como com melhores detalhes e imagens do produto e uma boa experiência do cliente. Além disso, deve ter em mente que alguns marketplaces vendem seus próprios produtos, e assim a concorrência se torna mais acirrada.

Felizmente, existem ferramentas que permitem que os vendedores acompanhem os concorrentes em tempo real, e ainda notificam qualquer alteração de preço e facilitam a atualização dos produtos de acordo com suas margens operacionais.

A Infracommerce tem soluções para seu negócio. Quer saber mais? Entre em contato.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Generic selectors
Palavras exatas
Pesquise por título
Pesquise por conteúdo
Post Type Selectors

Digitalize seu Go-to-Market

Faça parte do maior ecossistema de Full Commerce da América Latina!

Erros que podem ocasionar maior frequencia em abandono de carrinho

Listamos aqui alguns erros que podem causar abandono de carrinho em seu site. Para evitar que isso…

Os segredos do One Stop Shop

Muitas pessoas denominam One Stop Shop como um “balcão único”, mas realmente é isso que significa? Um…

Veja quais são as modalidades de entrega disponíveis no mercado

Para os gestores do varejo, escolher a modalidade de entrega ideal é uma das principais tarefas para a…

Precisa de uma solução para sua empresa ou indústria?

Nós ajudamos algumas das empresas que mais crescem do mundo a encontrar novas oportunidades de negócios D2C e B2B.

Com soluções abrangentes em Full Service e Fulfillment, quer saber o que podemos fazer pelo seu negócio?

Fale com um especialista!

Conte-nos sobre seu negócio

Ao preencher o formulário e clicar no checkbox, você expressamente declara que está ciente de que a nossa empresa poderá realizar contato com você via e-mail, telefone, WhatsApp ou qualquer outro meio e enviar comunicações para o fim exclusivo de apresentar conteúdos, produtos e serviços relacionados à Infracommerce.

Fale com um especialista!