Infracommerce

B3
svg2

As vantagens do User Experience

As vantagens do User Experience

A experiência do usuário trata de resolver problemas na vida de pessoas reais e ajudá-las a atingir seus objetivos. Os profissionais de User Experience lidam com os pontos problemáticos dos usuários, investigam como eliminá-los e projetam soluções adequadas para eles.

Usuários, clientes, agências e empresas devem estar cientes dos muitos benefícios importantes de uma abordagem de design centrada no usuário. Na verdade, esses benefícios só se materializam depois que as pessoas usam um produto ou serviço. Eles podem se estender amplamente a outras pessoas e comunidades. As ferramentas que as pessoas escolhem usar podem impactar muitas outras. Portanto, é muito importante que os resultados da experiência gerem um feedback positivo.

Frequentemente, os slogans das empresas dizem: “Queremos mudar o mundo”, mas os produtos que eles criam não refletem esse idealismo. O trabalho que os profissionais de User Experience (UX) fazem e o valor que contribuímos podem ajudar empresas a atingir esse objetivo.

Neste artigo, confira as vantagens e benefícios do user experience para seu negócio!

8 Benefícios do User Experience (UX) aplicado ao seu negócio

O campo de Experiência do Usuário se concentra em maximizar o prazer, a satisfação, a motivação, a eficiência e a produtividade do usuário ao usar um produto ou serviço.

A usabilidade garante que os produtos não excedam as capacidades físicas e mentais do usuário. Vejamos alguns dos benefícios do user experience, de uma abordagem centrada no usuário.

1) Compreensão dos problemas

Por meio do design centrado no usuário, por exemplo,  podemos obter uma melhor compreensão dos problemas que precisam ser resolvidos.

Por meio do design centrado no usuário, é possível obter uma melhor compreensão dos problemas para resolver e perceber claramente os pontos de dor dos usuários e melhorar nossas soluções de design.

Ao observar a maneira como os usuários interagem com um produto ou serviço, podemos tomar conhecimento de comportamentos específicos que fornecem uma perspectiva diferente sobre um problema.

Se os usuários encontrarem um problema, como eles lidam com ele? Não presuma que os usuários não tenham conhecimento prévio. Sempre tente oferecer uma solução de design que os usuários possam entender, mesmo que seja uma solução complexa.

2) Melhorar a qualidade de vida dos usuários

Existem dois tipos de produtos ou serviços que os usuários podem experimentar: produtos primários ou essenciais e produtos complementares. Os produtos primários derivam das necessidades identificadas do usuário e nós os criamos para atender a um requisito específico.

Por exemplo, podemos identificar a necessidade de um aplicativo móvel que ajude as pessoas a realizar melhor as ações cotidianas, como fazer compras ou marcar consultas médicas. Esses aplicativos podem tornar essas transações mais simples. Ou, melhor ainda, podemos descobrir a necessidade de um aplicativo que conecte uma comunidade para atingir um propósito comum.

O objetivo de um aplicativo móvel pode ser simplesmente o prazer de postar fotos ou jogar. Em contraste, os produtos complementares, embora vendidos separadamente, agregam valor e criam demanda uns para os outros. Os usuários usam esses produtos juntos para realizar suas tarefas.

3) Aumento de vendas

As vendas de um produto ou serviço aumentam quando ele satisfaz os usuários. Se uma empresa estimular artificialmente as vendas de um produto por meio da propaganda, o benefício não durará muito. Em contraste, aumentar o engajamento orgânico em vez de depender demais da publicidade é sempre uma abordagem mais promissora. Você poderá ver o futuro do produto com mais clareza e prever os próximos movimentos corretos.

4) Validação de Conceitos

Um teste interativo e processo de design permite testar suas suposições e ideias diretamente com os usuários.

As empresas podem economizar dinheiro testando rapidamente produtos ou conceitos de design para validá-los antes de se comprometerem com a codificação demorada. Não existe fracasso, contanto que aprendamos com nossos erros. Um teste interativo e processo de design permite testar suas suposições e ideias diretamente com os usuários.

Depois de testar, obter feedback e melhorar seus conceitos de design, você pode implementar e lançar o produto aprimorado. Fazer tudo isso antes que os desenvolvedores comecem a construir o produto evita que todos sofram muito.

5) Esclarecendo a Visão com User Experience

Seguir uma abordagem centrada no usuário (user experience) fornece uma visão clara do que construir a seguir. Você pode ver claramente as perspectivas dos usuários sobre um produto – o que apresenta dificuldades, como lidar com os problemas e o que oferece benefícios. Assim, você pode fornecer uma representação visual clara da visão do produto.

6) Envolvendo usuários como clientes

Trate o usuário como um cliente – embora não em termos de receitas. Envolver o usuário como cliente pode ser útil para ambos os lados. Você terá um melhor entendimento do usuário. Você será capaz de lidar melhor com as emoções, requisitos, solicitações e necessidades do usuário e poderá aprender tudo o mais necessário para fornecer uma solução melhor. Ter uma conexão direta com seus usuários garante melhor consistência entre as necessidades deles e sua solução, aumenta a confiança dos usuários e melhora a longevidade do produto.

7) Ganhando credibilidade

Ter uma conexão direta com seus usuários garante melhor consistência entre as necessidades deles e sua solução, aumenta a confiança dos usuários e melhora a longevidade do produto.

Para maximizar a qualidade de seus relacionamentos com os usuários, você deve ganhar credibilidade com eles. Essa credibilidade se desenvolve com o tempo. Você tem que construir. Depois de estabelecer a credibilidade, você deve trabalhar duro para mantê-la e se esforçar para aumentá-la.

8) Melhorando a estimativa

Quanto melhor você entender as necessidades dos usuários e o produto que criará para atendê-los, melhor será sua base para a estimativa do projeto do produto e esforço e custos de desenvolvimento. Seus requisitos são claros. Você sabe o seu próximo movimento. Você pode ver o futuro do seu produto ou serviço daqui a três a cinco anos.

Conclusão: qual a importância do User Experience (UX)?

É importante que sua organização esteja ciente de todos esses benefícios da usabilidade e da experiência do usuário. Desenvolva essa consciência para gerar resultados produtivos, melhorar a vida das pessoas, facilitar as interações dos usuários e fornecer facilidade de uso.

Gostou do conteúdo?

Continue nos acompanhando para mais conteúdos como este. Não deixe de navegar pelo site da Infracommerce e conhecer nossas soluções.

Generic selectors
Palavras exatas
Pesquise por título
Pesquise por conteúdo
Post Type Selectors

Digitalize seu Go-to-Market

Faça parte do maior ecossistema de Full Commerce da América Latina!

Infracommerce participa do Google Experts pelo 2º ano consecutivo

Treinamento é exclusivo para os principais parceiros do Google no Brasil, e a Infracommerce foi…

Entenda o que é a PLP dos Correios!

Sua loja não usa o PLP dos Correios? Então ler este artigo é uma obrigação. Descubra…

Como criar site de vendas atrativo para clientes

Neste artigo, vamos te mostrar como criar site de vendas atraente pode ser a peça que faltava…

Fale agora com
nossos
especialistas

Ao preencher o formulário e clicar no checkbox, você expressamente declara que está ciente de que a nossa empresa poderá realizar contato com você via e-mail, telefone, WhatsApp ou qualquer outro meio e enviar comunicações para o fim exclusivo de apresentar conteúdos, produtos e serviços relacionados à Infracommerce.