Infracommerce

Infracommerce
B3

Conheça os tipos de Cross Docking

Descubra as modalidades de Cross Docking que existem no mercado. Saiba quais são as diferenças e como aplicar essa estratégia no seu negócio. Confira!

Se você trabalha no setor de logística, já deve ter ouvido falar em cross docking. Mas, e para quem está começando agora? 

O termo está em alta ultimamente, especialmente depois que grandes empresas adotaram o cross docking para acelerar os embarques. Neste artigo, você aprenderá o que dizem os especialistas em logística sobre os tipos de cross docking, os prós e contras, além dos tipos de cross docking disponíveis.

― Continue lendo para saber mais sobre como funciona o cross docking e se essa estratégia é adequada para a sua empresa!

O que é cross docking na logística?

Cross docking (“cruzamento de docas”) é um sistema que visa eliminar ou reduzir ao máximo a etapa de estocagem. O objetivo é manter o produto em movimento enquanto ele é exportado da fábrica até o cliente final.

O cross docking geralmente é feito em um cais específico com portas para entrada e saída de caminhões, para que os produtos sejam entregues com a máxima eficiência e sem etapas de espera.

Veja as características do cross docking

Como você já sabe, o cross docking é um sistema de distribuição no qual você envia produtos comprados por seus clientes para uma instalação ou Centro de Distribuição.

Portanto, as mercadorias podem ser enviadas para o consumidor mais rapidamente. Em suma, as principais características da operação são:

  • Despacho imediato: assim que a mercadoria é recebida, deverá ser despachada imediatamente ou enviada para uma área de picking. Isso porque a estocagem não está incluída no sistema de cross docking
  • Tempo mínimo de permanência: todo o processo de cross docking deve acontecer em, no máximo, 24h. Caso o produto permaneça por mais de 3 dias nos Centros de Distribuição, podem ocorrer cobranças extras de taxa de estocagem;
  • Sistema de organização de informações: é necessário ter um sistema eficiente para organizar as mercadorias e informações durante a troca. A coordenação das etapas do cross docking deve considerar o tempo em que a frota alcançará o operador logístico.

Quais são os tipos de cross docking

As atividades de cross docking podem ser realizadas utilizando diferentes unidades de carga (paletes, caixas, kits…). Como também, existem diferentes formas de organizar os tipos de cross docking. Mas se seguirmos os passos necessários para realizá-lo, podemos destacar:

  1. Cross docking pré-distribuído

O pré-distribuído representa um dos tipos de cross docking mais básico. Nele, as unidades de carga já são preparadas e organizadas por parte do fornecedor considerando a demanda final. Portanto, a operação de cross docking “se reduz” ao receber a mercadoria e se expande exigindo pouca intervenção dos trabalhadores do armazém.

  1. Cross docking consolidado

Em um esquema de cross docking consolidado, a mercadoria deve ser manuseada para ser adaptada aos requisitos do cliente final. Logo, as unidades de carga recebidas são transferidas para uma área de cross docking ou área de acondicionamento para serem examinadas e adequadas aos pedidos demandados.

  • Isso pode significar organizar paletes a partir de unidades de carga menores, ou ao contrário: dividir a mercadoria em pacotes individuais ou kits de produtos.
  1. Cross docking híbrido

É um dos tipos de cross docking mais complexo, que consiste em preparar os pedidos na área de acondicionamento, com uma parte da mercadoria proveniente dos caminhões recebidos e com outra parte da mercadoria armazenada na instalação. Nesses casos, a mercadoria recebida pode passar para uma área de armazenamento temporário em vez de ser aplicado diretamente o cross docking.

Este tipo de cross docking é mais flexível e permite enfrentar uma maior variedade de casos. Mas também, exige uma coordenação eficaz de todas as tarefas ligadas a essa operação.

Entenda a diferença entre cross docking e distribuição tradicional

Na distribuição tradicional, as mercadorias chegam do fabricante e são armazenadas em um depósito. Quando um cliente faz um pedido, é necessário retirar o produto do depósito e colocá-lo em um caminhão ou outro meio de transporte para embarque.

 

Isso pode ser feito automaticamente, mas geralmente é feito manualmente pelos funcionários do depósito. Os tipos de cross docking eliminam (ou reduzem) a necessidade de armazenamento, bem como de pessoal e equipamentos para despachar as mercadorias.

Assim, o cross docking barateia a logística comercial porque elimina dois grandes custos: armazenagem e preparação de pedidos.

Qual a principal aplicação do cross docking?

Essa tecnologia é ideal para atender demandas de e-commerce, mas empresas de qualquer segmento podem implementar a técnica, especialmente as focadas em B2B, que precisam otimizar seu processo com o cruzamento de docas.

Nesse sentido, não importa qual o seu modelo de negócio, vale muito a pena investir nessa metodologia para melhorar a logística do empreendimento. Para que sua aplicação seja bem sucedida, é importante planejá-la detalhadamente. 

Isso exige o investimento em locação de pessoal e softwares de gerenciamento. Também não se deve negligenciar o treinamento da equipe, pois se trata de um processo que exige cuidado e leva tempo. É sempre benéfico ter mão de obra qualificada para evitar falhas.

Mesmo com o investimento inicial, todas as empresas que desejam reduzir custos operacionais, otimizar prazos de entrega e melhorar o atendimento com os consumidores se beneficiarão dessa solução.

Conheça os desafios para adotar o cross docking

Infelizmente, utilizar a estratégia do cross docking na sua empresa não é uma tarefa “da noite para o dia”. Ela requer muito planejamento, e fatores cruciais devem ser seguidos para evitar dor de cabeça.

‍Confira abaixo os entraves que devem ser superados antes de implementar os tipos de cross docking em uma empresa:

Sincronia inbound and outbound

Os horários de chegada dos caminhões devem ser previsíveis e sincronizados com a hora de coleta dos caminhões que saem do cross dock.

Demanda previsível de mercadorias

O cross docking é preferido quando os requisitos não mudam. Em um negócio como o delivery de comida, onde a demanda tende a estar em pé de igualdade, essa estratégia pode ser muito benéfica.

Se a demanda pelo seu produto mudar, existe o risco de estocar produtos ou dos caminhões não saírem do armazém 100% cheios.

Coordenação entre membros da Supply Chain

Para o cross docking dar certo, a empresa precisa de horários precisos para o recebimento das mercadorias.

A comunicação entre todos os membros da Supply Chain (cadeia de suprimentos) é essencial para evitar que os caminhões aguardem nos terminais de cross dock sem cargas.

Afinal, o objetivo da estratégia é entregar sem (ou menos) etapas de armazenamento e, para isso, os caminhões que chegam devem estar sincronizados com os que saem.Agora você sabe tudo sobre o funcionamento e os tipos de cross docking para utilizar no seu negócio. Caso ainda tenha dúvidas, entre em contato conosco e conheça hoje mesmo as soluções de logística da Infracommerce!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Generic selectors
Palavras exatas
Pesquise por título
Pesquise por conteúdo
Post Type Selectors

Digitalize seu Go-to-Market

Faça parte do maior ecossistema de Full Commerce da América Latina!

Entenda como funciona o segmento B2B

Elaboramos este artigo para você entender como funciona o segmento B2B e as melhores estratégias de marketing…

O poder do omnicanal no mercado B2B

Neste artigo, vamos falar sobre o poder do omnicanal no mercado B2B. Saiba o que…

Logistica Reversa com Infracommerce

A logística reversa é o processo de retorno das mercadorias ao seu ponto de origem – do…

Precisa de uma solução para sua empresa ou indústria?

Nós ajudamos algumas das empresas que mais crescem do mundo a encontrar novas oportunidades de negócios D2C e B2B.

Com soluções abrangentes em Full Service e Fulfillment, quer saber o que podemos fazer pelo seu negócio?

Fale com um especialista!

Conte-nos sobre seu negócio

Ao preencher o formulário e clicar no checkbox, você expressamente declara que está ciente de que a nossa empresa poderá realizar contato com você via e-mail, telefone, WhatsApp ou qualquer outro meio e enviar comunicações para o fim exclusivo de apresentar conteúdos, produtos e serviços relacionados à Infracommerce.

Fale com um especialista!