Infracommerce

Infracommerce
B3

Como funciona o cross border?

Como funciona o cross border?

As soluções Infracommerce podem te ajudar a inserir-se no cross border de maneira superior no mercado. Está na hora de conhecer as soluções da Infracommerce!

Com mais navegadores globais se tornando compradores digitais, o comércio eletrônico transfronteiriço veio para ficar. Embora os eventos de 2020 pareçam ter redefinido o cenário global de pagamentos, o comércio transfronteiriço, de fato, está com tudo.

Regiões com baixa penetração eletrônica, como Brasil, Indonésia, Índia, Tailândia, estão preparadas para uma forte oportunidade de crescimento de pagamentos, enquanto países com níveis mais altos de digitalização, como Alemanha e Reino Unido, continuarão a alimentar o aumento da receita de pagamentos.

Um estudo recente prevê que o comércio eletrônico transfronteiriço abrangerá pelo menos 29 países nas regiões da América do Norte, América Latina, Europa, Ásia-Pacífico, África e Oriente Médio até 2022.

No entanto, é urgente compreender o conceito de cross border. Por isso estamos aqui. Continue a leitura!

O que significa Cross Border?

Cross border pode ser definido, em português, como pagamentos transfronteiriços (comércios transfronteiriços). São transações em que o beneficiário e o destinatário da transação estão sediados em países separados. As transações podem ser entre indivíduos, empresas ou instituições bancárias que desejam transferir fundos entre territórios. Para os comerciantes que operam internacionalmente, é crucial que eles possam aceitar pagamentos em todos os países que estão segmentando.

Recebendo pagamentos internacionais

Os comerciantes devem trabalhar com um provedor de serviços de pagamento (PSP) que ofereça um gateway de pagamento global seguro se seu objetivo for crescer internacionalmente. Um gateway de pagamento atua como o interruptor entre as várias entidades na rede de pagamento, permitindo que os fundos sejam transferidos com segurança entre o cliente, o comerciante e os bancos emissores e adquirentes. Ele valida o pagamento e criptografa os dados financeiros confidenciais que estão sendo transferidos entre as partes relevantes.

É importante que o gateway escolhido para integração facilite uma ampla variedade de moedas de pagamento e liquidação para maximizar sua chance de alcançar novos mercados. O uso de moedas locais para transações com cartão tem o potencial de resultar em melhores taxas de aceitação. Quando os consumidores estão fazendo compras online, eles querem ver o preço final que será cobrado em sua própria moeda.

Por exemplo, se um consumidor do Brasil fizer um pedido com uma empresa dos EUA que mostra apenas seus preços em dólares, ele só saberá o custo final em reais depois que a transação for realizada. Isso pode resultar em frustração para o consumidor e os comerciantes devem aspirar a ser o mais transparente possível com seus preços.

Existem várias maneiras pelas quais os comerciantes podem superar esses obstáculos; eles podem configurar várias contas bancárias nos países em que desejam aceitar pagamentos (o que pode ser caro) ou podem fazer parceria com um PSP global experiente. Os comerciantes precisam selecionar um PSP que tornará as transações internacionais uma experiência perfeita para eles e seus clientes.

Existem várias maneiras pelas quais as empresas que lidam com o cross border podem fornecer uma melhor experiência de usuário para seus consumidores. Compartilhamos abaixo nossas principais dicas para acertar sua estratégia internacional.

Estratégias para ter sucesso no Cross Border

1. Ofereça opções de pagamento regionais populares

Dependendo dos territórios em que você escolher operar, vale a pena pesquisar quais métodos de pagamento são predominantes. Pode ser que os cartões de crédito e débito sejam favorecidos e vale a pena otimizar seus processos em torno disso. As marcas de cartão de crédito universais podem não ser a opção mais barata para o seu cliente, então, novamente, faça uma pesquisa sobre as opções de cartão de crédito locais.

Por outro lado, pode haver um Método de Pagamento Alternativo (APM) amplamente utilizado em uma determinada região.

2. Trabalhe com um parceiro local

Atrair parceiros locais irá ajudá-lo a navegar pela paisagem doméstica. Um parceiro local terá conhecimento sobre cultura, estrutura social, costumes comerciais, preferências do consumidor, logística, infraestrutura e legislação. Em certos territórios, um parceiro local é obrigatório e pode até oferecer maiores benefícios ou isenções.

3. Adote o idioma local

atendimento ao cliente multilíngue aumenta a fidelidade. Os clientes respondem bem ao serem abordados em seu próprio idioma e valorizarão mais sua oferta quando você se esforçar para fazê-lo.

Considere contratar tradutores e revisores locais para garantir que seu conteúdo seja relevante e ressoe com o apetite local. Um bom começo seria escolher um desses 5 idiomas que são mais usados ​​online:

  • Inglês;
  • Chinês;
  • Espanhol;
  • Árabe;
  • Português.

Cross border: como funcionam os pagamentos transfronteiriços? 

Pagamentos com cartão de crédito, transferências bancárias e APMs são todos os tipos de pagamentos transfronteiriços (cross border). Os clientes gostam de pagar de uma forma que lhes seja conveniente. Além disso, eles gostam de receber opções personalizadas e ter certeza de que seus dados de pagamento serão tratados com segurança. Como resultado disso, os comerciantes precisam cobrir todas as bases e oferecer várias maneiras para seus clientes pagarem além-fronteiras.

Pagamentos com cartão de crédito

Os cartões de crédito desempenham um papel importante nos pagamentos transfronteiriços e são uma opção obrigatória para muitos consumidores. Do ponto de vista do consumidor, ele simplesmente insere os dados do cartão e aguarda a verificação da transação. Nos bastidores, há mais acontecendo.

Os pagamentos internacionais exigem mais trabalho das redes de cartão de crédito envolvidas e dos bancos adquirentes, pois precisam converter entre duas moedas diferentes. Essa carga de trabalho adicional resulta em taxas maiores que são repassadas pela cadeia de pagamento.

Transferências bancárias

As transferências bancárias internacionais são outra forma antiga de efetuar um pagamento transfronteiriço. A maioria dos bancos maiores terá uma gama limitada de moedas estocadas, mas não é possível acomodar mais do que um punhado em um determinado momento. Portanto, quando um cliente no Brasil deseja transferir dinheiro para um país para o qual não possui a moeda em estoque, ele terá que confiar em seus parceiros bancários estrangeiros para projetar a transação. Os bancos menores geralmente não possuem moedas estrangeiras, portanto, procure grandes bancos para hospedar pagamentos internacionais em seu nome.

Este é apenas um instantâneo do processamento de pagamentos transfronteiriços e pode haver muitas outras partes envolvidas que causam atrasos na transação.

Carteira eletrônica

Uma carteira eletrônica, também conhecida como carteira digital, é um APM eletrônico baseado em software que permite que os clientes paguem por transações on-line ou na loja. Comumente disponíveis por meio de aplicativos para dispositivos inteligentes, as carteiras eletrônicas permitem que os usuários armazenem com segurança seus cartões de pagamento de sua escolha para que possam pagar por bens e serviços. Aliás, conheça a solução InfraPay.

Algumas carteiras eletrônicas permitem que os consumidores operem em várias moedas e façam pedidos além-fronteiras. Embora as transações de carteira para carteira não contem tecnicamente como pagamentos transfronteiriços, elas ajudam a facilitar a transação. Somente quando os fundos são retirados da carteira eletrônica e transferidos para a conta bancária do comerciante, o processo pode ser classificado como um pagamento transfronteiriço.

Cross border B2B

Um novo estudo internacional mostrou que o valor total dos pagamentos transfronteiriços B2B chegará a US$ 35 trilhões em 2022, crescendo 30% em comparação com US$ 27 trilhões em 2020, principalmente devido ao efeito do COVID-19.

Esta é uma área madura para inovação e expansão, com os próximos anos parecendo um momento emocionante para pagamentos B2B internacionais. Viagens e hospitalidade, em particular, devem se beneficiar da simplificação projetada dos pagamentos transfronteiriços.

Como fazer pagamentos internacionais

Você precisará dos detalhes da pessoa que recebe o pagamento, seu número de conta bancária internacional (IBAN) e seu código de identificação bancária (BIC) para fazer uma transferência bancária internacional. Um consumidor que está fazendo um pagamento para um site de comércio eletrônico em outro país terá que fazer muito pouco para concluir a transação, pois a maior parte do trabalho será realizada pelo comerciante e seu sistema de pagamento.

A expectativa é que novas soluções sejam mais amplamente adotadas, permitindo que pagamentos seguros e rápidos sejam feitos diretamente em um cartão.

Para os comerciantes que desejam expandir seus mercados no exterior, é essencial que eles tenham conhecimento sobre pagamentos internacionais. Manter-se atualizado com as últimas inovações proporcionará aos seus clientes a melhor experiência de pagamento possível e incentivará o retorno personalizado. Os mecanismos de pagamentos internacionais podem ser complicados, por isso vale a pena fazer parceria com especialistas que o ajudará a superar quaisquer desafios.

As soluções da Infracommerce podem te ajudar. Aqui, planeja-se a operação de seu e-negócio de forma integrada, focada em resultados, satisfação do seu cliente e omnicanalidade.

O nosso ecossistema digital é baseado nas seguintes soluções: Infra.shop, Infra.data, Infra.pay, Infra.log e Infra.digital. Entre em contato para conhecer nossas soluções!

Fulfillment center: conheça a nova estratégia logística

À medida que as vendas online aumentam, também aumenta a satisfação do cliente com as transações, já…

De olho no fluxo financeiro do seu e-commerce

O que quer dizer fluxo financeiro quando estamos falando em e-commerce? Nos acompanhe na leitura e saiba mais…

Como automatizar a comunicação com chatbots

As empresas passaram a reconhecer a importância do atendimento ao cliente e o que ele…

Quer fazer parte
do seleto grupo
de operações
de e-commerce eficientes e escaláveis?

Entregamos operações de e-commerce de acordo com as necessidades da sua empresa de forma completa ou modular.

Vamos conversar!

Conte-nos sobre seu negócio 

* campos obrigatórios.

Ao me cadastrar concordo em receber novidades sobre e-commerce, varejo e eventos relacionados à Infracommerce.