Lojas online crescem 21,52% no Brasil

“A questão não é comparar de maneira competitiva e sim explorar as sinergias entre os canais”, explica Francisco forbes , co-fundador da Infra
“A questão não é comparar de maneira competitiva e sim explorar as sinergias entre os canais”, explica Francisco forbes , co-fundador da Infra

O e-commerce não é o futuro. É o presente. Um presente que vem crescendo cada dia mais. Uma prova disso, é o estudo “Perfil do E-commerce Brasileiro”, realizado pela BigData Corp. sob encomenda do PayPal Brasil.

O resultado mostra que em contramão aos mais de 80 mil fechamentos registrados no varejo físico no ano passado, as operações no comércio eletrônico cresceram 21,52% nos últimos 12 meses.

Outro dado mostra a migração das lojas físicas para lojas online.
Em 2015 eram 14,53%, hoje são 13,46%. Um fator que faz a diferença é a força das redes sociais.

Mas o co-fundador da Infracommerce, Francisco Forbes, revela que – mesmo com a alta expectativa de crescimento – tem que haver pé no chão.

“A questão não é comparar de maneira competitiva e sim explorar as sinergias entre os canais. Apesar do crescimento espantoso, que vai contra os resultados do varejo nacional, o e-commerce ainda representa uma pequena parcela no varejo como um todo”, explica.

Fonte: DCI